Todos os direitos deste conteúdo são reservados, entre em contato com a proprietaria.

Sueli Almeida

Apaixonada pela vida, pelas pessoas, pelas imagens, pela natureza, e tendo trabalhado por vários anos em serviços burocráticos, encontrou na Fotografia o caminho certo para deixar fluir seu lado sensivelmente artístico, pois sempre considerou serem  as imagens  janelas no tempo e no espaço, através das quais a luz e a memória vão fluindo, renovando e provocando emoções.

Na busca então destas emoções, através de um trabalho criativo e de expressão, procura sempre o melhor de si, para chegar ao resultado esperado pelo cliente, pois este demonstra, em todos os casos, a vontade de ver perpetuados nas imagens seus momentos mais significativos.  Inseridos que estamos num mundo  onde a fotografia tornou a experiência visual a predominante, regidos que somos  pela insaciabilidade de nosso olhar.

A própria definição de Eterno lhe remete à definição de Fotografia: "é tudo aquilo que dura uma fração de segundo, mas com tamanha intensidade, que se petrifica, e nenhuma força jamais o resgatará".

"Fotografia é meio a meio. Meio aqui e meio lá. Meio a gente e meio os outros. "  Esta frase de Thomas Farkas   (1924-2011)  sintetiza o que a Fotografia representa para a Fotógrafa. Existe sim uma simbiose entre as duas, onde uma procura complementar aquilo de que a outra precisa, para que a vida possa ser revivida, sempre.

Sueli Almeida